"Não falta quem já considere a blogosfera como o quinto poder" (Vital Moreira, Colunista, Público)

Segunda-feira, 19 de Novembro de 2007

O Fim do Mundo

Com alguma regularidade verificamos manifestações de receio por parte de alguns em relação ao fim do mundo. Sempre têm surgido “profetas” afirmando que vai acontecer neste ou naquele dia. Com eles surgem grupos religiosos, cuja característica é a superstição, a ignorância, o fanatismo e interesses vários. Estes “profetas” arrastam consigo dezenas de pessoas, muitas até com um nível cultural médio e alto, mas em nada conhecedoras da Bíblia, levando-as a ritos e práticas imorais, macabros ou mesmo suicidas. Lembro-me de alguns casos ocorridos em várias partes do mundo como nos EUA, Japão, Suíça e em mais alguns lugares. Recentemente temos este na Rússia.

 

Creio que o obscurantismo tomou completamente a inteligência de alguns que, apesar de viverem no Século XXI, mais parecem viver no auge da “idade das trevas”.

 

É verdade que a Bíblia Sagrada fala “dos últimos dias” e “do juízo final”. Porém, o Senhor Jesus Cristo deixou aos seus discípulos as informações necessárias e úteis para este facto, igualmente deixou alguns avisos: “Vede que ninguém vos engane. Porque virão em meu nome,... certamente ouvireis falar de guerras e rumores de guerras; vede não vos assusteis,... ainda não é o fim... haverá fomes e terramotos em vários lugares; porém, tudo isto é o princípio das dores... levantar-se-ão muitos falsos profetas e enganarão a muitos... aquele, porém, que perseverar até ao fim, esse será salvo. E será pregado este Evangelho do Reino por todo o mundo, para testemunho a todas as nações. Então virá o fim.” (Evangelho Mateus 24:4-31)

 

A Bíblia dá como certo que a forma de viver deste mundo como a conhecemos acabará com a segunda vinda de Jesus Cristo. Quando será isso? Ninguém sabe a não ser o próprio Deus. No Livro de Eclesiastes, capítulo 3, versículo 1 (Ecles. 3:1), pode-se ler que “tudo tem o seu tempo determinado...” e Deus é Soberano para marcar e divulgar: “Não vos compete conhecer tempos ou épocas que o Pai reservou para sua exclusiva autoridade" (Actos dos Apóstolos 1:7), “Mas a respeito daquele dia e hora ninguém sabe; nem os anjos dos céus, nem o Filho, senão somente o Pai" (Evangelho de Mateus 24:36).

 

De facto não sabemos quando, mas alguma coisa nos é dita sobre os acontecimentos. Se consultares as seguintes passagens bíblicas, também tu poderás ficar a saber (caso não tenhas uma Bíblia, clica nas passagens bíblicas que estão “linkadas”):

I Cor. 15:20-34; Mat. 24:1-42; Mar. 13:1-37; Luc. 21:5-36; I Tess. 5:1-11; II Tess. 2:1-17; II Ped. 3:1-18; Apoc. 4-22; I Tess. 4:13-18; I Cor 15:51-58.

 

De tudo aquilo que podemos ler na Bíblia sobre o assunto, eu creio que o mais importante não é quando será, mas se estaremos nós preparados para este evento. Jesus Cristo deixa o aviso para que os seus discípulos permaneçam atentos para que não aconteça o mesmo que aconteceu aos que viveram no tempo de Noé: “...não o perceberam, senão quando veio o dilúvio e os levou a todos, assim será a vinda do Filho do Homem.” (Mat. 24:37-39)

escrito p/ pechanense às 17:43
link do post | comentar | favorito
partilhar
7 comentários:
De Lara a 19 de Novembro de 2007 às 17:59
“...não o perceberam, senão quando veio o dilúvio e os levou a todos, assim será a vinda do Filho do Homem.”
Ui! Que medo!
De pechanense a 20 de Novembro de 2007 às 09:43
Olá Lara. Sê bem vinda ao pechanense.

"Ui que medo"!? Não vejo porquê!?

Eu não sei se leste todo o post, inclusive os textos bíblicos linkados. Deixa-me dizer-te que tudo aquilo que foi escrito não tem como objectivo meter medo... aliás o Cristianismo não é uma religião de medos, que procura levar as pessoas a viverem presas a superstições. Pelo contrário, a mensagem cristã é uma mensagem libertadora de todos os medos e superstições e tem uma grande ênfase na esperança.

Como vês, não há que ter medos... Bom! A não ser que estivesses a ironizar!

Mais uma vez, obrigado pela visita e um abraço!
De Lara a 22 de Novembro de 2007 às 18:37
Olá

De nada pela visita.

Como é lógico, não ia comentar um post sem o ler.
Eu não sei qual é o objectivo do que foi escrito, aliás, nem percebi muito bem se te estás a referir ao que foi escrito por ti ou ao que foi escrito na Bíblia. Calculo que seja a segunda hipótese. Como disse, não posso ter a certeza do objectivo de escrever isso, mas que soa claramente a ameaça isso sim. Cuidado, todos direitinhos senão faço outra vez o que fiz no tempo do Noé.
"o Cristianismo não é uma religião de medos, que procura levar as pessoas a viverem presas a superstições. " Tens a certeza? Não podia discordar mais desta afirmação. O que chamas então a uma religião utilizada desde séculos para assustar populações, através de conceitos como inferno. Já para não falar quando a " mensagem libertadora " ultrapassava estes domínios...
Quando à esperença a que te referes é mais passividade que esperança. Ai, deixa andar, não faças nada, não te revoltes, está quietinho que Deus lá te há-de ajudar... senão vem aí o dilúvio outra vez. Por favor...
De pechanense a 23 de Novembro de 2007 às 16:07
Olá Lara.

O objectivo de ter escrito este post não foi, de forma alguma "meter medo" ou que "soasse a ameaça". Não foi meu objectivo e continuo a afirmar, não é o objectivo da Bíblia.

Procurei falar do facto (a propósito do recente caso na Rússia), de surgirem pessoas que, tendo uma visão errada daquilo que é a mensagem bíblica, valendo-se da "ignorância" bíblica da maioria das pessoas e em muitos casos sendo os próprios biblicamente ignorantes e extremamente supersticiosos, arrastam atrás de si dezenas de pessoas para práticas "imorais, macabras e mesmo suicidas" em nada sendo o ensinamento bíblico.

Reafirmo que o ensinamento bíblico acerca da vida cristã não leva ninguém a viver presa a superstições. Reafirmo também que a mensagem bíblica não é caracterizada pelo "medo".

Concordo contigo quando dizes que as religiões cristãs têm muitas vezes usado essa "estratégia" para levar as pessoas a converterem-se ao cristianismo (e não só). Erradamente, a meu ver e, estou certo, também na perspectiva do que foi a mensagem de Jesus Cristo.

É verdade que a Bíblia fala do "fim deste mundo tal como o conhecemos", fala "de uma eternidade sem Deus para aqueles que O rejeitam"... esta é uma realidade a que se refere Bíblia. Porém esta não é a ênfase da mensagem de Jesus Cristo. A mensagem de Jesus é "arrependei-vos porque é chegado o Reino de Deus"

É um pouco extensa para escrever, mas deixo-te aqui uma passagem bíblica:

"E do mesmo modo por que Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o Filho do Homem seja levantado, para que todo o que nele crê tenha a vida eterna. Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigénito para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele." (Evang. João 3:14-17)

Estas foram palavras ditas pelo próprio Jesus... Eu considero esta mensagem uma mensagem que não é causadora de "prisões", superstições", "medos". Antes pelo contrário, é libertadora e trás esperança. Esta é a mensagem cristã que se encontra na Bíblia.

Só mais duas coisas que referes no teu último comentário:

1º O texto de Mt. 24:37-39, que usei, que é o próprio Jesus a falar, não faz a ameaça "todos direitinhos senão faço outra vez o que fiz no tempo do Noé". Jesus usa este texto para alertar os seus discípulos para não serem apanhados de surpresa, porque virá quando menos esperamos. É uma exortação para que os cristãos estejam preparados, ou seja, que a sua vida esteja de acordo com os ensinamentos que Jesus deixou.
2º Jesus não ensina os seus discípulos a serem passivos. Antes pelo contrário, Ele ensina que os seus discípulos devem ser activos e interventivos nesta sociedade onde nos encontramos. Ele deu o exemplo... denunciou, apontou e incomodou os valores da sociedade!

Espero ter sido um pouco mais claro naquilo que procurei transmitir no post...
De padeiradealjubarrota a 20 de Novembro de 2007 às 22:45
olá amigo Pechanense, há quanto tempo! Há temas que prefiro não falar na net, porque as pessoas não respeitam como deviam.
Quanto a essa seita - porque não os deixem ficar até maio para verem que estão enganados? Bom, o mundo pode acabar amnhã!

PS: quando passar pelo meu site leia sff no Post ao Presidente da Republica, o abaixo assinadso que estamos tentando fazer sobre a casa Pia. Está no ultimo comentário do common sense e foi por ele elaborado.
De padeiradealjubarrota a 20 de Novembro de 2007 às 22:47
Desculpe as gralhas, mas quando se escreve à pressa...
De ecosdablogosfera a 23 de Novembro de 2007 às 18:16
----> António Balbino Caldeira, escreveu: "A pena, dupla porque de pelo e grade, a voz, a ilustração, são as novas gadanhas: os blogues"

----> Tiago Carneiro, escreveu: "temos que juntar o pessoal dos blogues"
{Do Portugal Profundo}

----> Pedro Namora, escreveu: «unirmo-nos em torno do essencial: trabalhar para alargar a base de apoio que sistematicamente lembre aos canalhas que estamos cá»

----> commonsense, escreveu: «uma campanha, que vai ser sistemática e permanente, duradoura e incómoda»

E que tal, numa acção concertada, o maior número possível de blogues,
no mesmo dia (p.ex.25 de Dezembro)
editarem páginas iguais/semelhantes, tipo:
SR PRESIDENTE DA REPÚBLICA PORTUGUESA
PROF DR ANÍBAL CAVACO SILVA
----- AS CRIANÇAS À GUARDA DO ESTADO RECLAMAM OS DIREITOS QUE O ESTADO LHES RECONHECE MAS LHES TEM NEGADO -----

Comentar post

online

Worten Sempre?

. mais sobre mim

subscrever feeds

. pesquisar neste blog

 

últ. comentários

Meu caro Farid HaiderTem razão quanto ao que disse...
Uma observação ao texto supra citado.Não existe lí...
Não sei quem é o artista, mas deve ser nova ortogr...
Boa pergunta...felizmente já comprei o meu há muit...
:) oh GOD!!
queria saber noticias do zeca. alguem pode me info...
tive a orra de passa tres temporadas como atleta d...
Obrigado mas não é tanto "voltar", é mais dar o "a...
Bem vindo e bem - aventuradas sejam as tuas palavr...
Móss Pechanense. Andaste desaparecide?

. ligações

Fórum olhão ponto org



. posts recentes

Festas de Pechão 2014

Alguém me explica, sff?

Sérgio Godinho em Pechão

Pertencemos a uma Geração...

Convite

Pechão é esgoto a céu abe...

Pendurem a Vuvu na Janela

I Love Ketchup

Teatro em Pechão

Comunicado da Farmácia de...

Casamento homossexual... ...

História da Música "Amazi...

O Sorriso do Ciganito

Rock na Ribeira em Pechão...

Campanha "Um gravador par...

. arquivos

. tags

todas as tags

blogs SAPO
mozila Firefox2